Amazônicas X – Pontos de Cultura

Viapontos de cultura celiogem ao Brasil Des-silenciado.

“Quando o ministro Gilberto Gil convidou Célio Turino para desenvolver um programa de democartização do acesso à cultur mal se podia imaginar as extreórdinárias iniciativas, que cruzam o Brazil de um ponto a outro, do sertão ao mar, da Amazônia às Pampas. Neste belissimo livro – não resito usar as palavras belo, beleza, a melhor forma de defini-lo- Célio mostra como sua trajetória se confundo com a busca de políticas culturais democráticas e populares para o Brasil. Como uma geração que lutou contra a ditadura, deu continuidade à luta democrática abrindo novos caminhos para ela: na democratização social e cultural, na criação de meios para que o povo fale, cante, grite, desenhe seus sonhos e suas vontades.
A leitura deste livro permite conhecer o Brasil, o Brasil silenciado, o Brasil que era convidado antes apenas para assistir ao país inventado pelas elites brancas do sul e que agora se vai forjando nos espaços e nos tempos da sua emancipação.
Venham. Só tem a perder os silêncios opressores neste viagem que Célio nos convoca como seu melhor guia de futuros.”

Emir Sader

Pedro Pereira Leite

Researcher and professor. He had his PhD. on museology in 2011, with the title “Muss-amb-ike Homeland: The commitment on musicological process”, that was published in 2011. In 2012 he finishes a Post-PhD Research on "Biographical Glances: The intersubjectivity poetry on museology, at Lusófona University (Lisbon). Presently he is working in his Post PhD. Research about: “Global Heritages" with the aims to build a network on local cognizance and memory manager has a tool to build the will of action in 3 different communities, linked by past communed heritages.” He works at CES. He participates on different Research network, presented papers in national and international conferences, and had published books on research subjects.

More Posts - Website

Follow Me:
TwitterFacebookLinkedInPinterestGoogle PlusYouTube


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.