Sobre a Nova Recomendação da UNESCO sobre Museus Colecções sua Diversidade e Função Social (VIII)

As quatro questões para os museus na sociedade

Vimos que que Recomendação estabeleceu quatro questões de inovação para os museus e para o trabalho museológico no tempo actual. Falamos do tempo actual, pois esta recomendação procura actualizar a aferir o campo referencial dos museus à actualidade. Propõe-nos quatro campos. A globalização, a Economia e a Qualidade de Vida, A função Social e a inclusão das Tecnologias de Informação.

A relevância destes quatro campos, na perspectiva da resposta ao mundo em que nos situamos, na sua diversidade, verifica-se que a Globalização promove uma aceleração das trocas e que isso influencia a atividade e os processos museológicos. Por isso, a preocupação dos museus é, no âmbito dos processos de globalização continuarem a manter e a garantir a diversidade cultural, assegurar a dignidade do ser humano e a sua liberdade

Em relação às questões sobre a Economia e a Qualidade de vida, os desafios que esta Recomendação apresenta referem-se à necessidade de que os museus também se devem assumir como atores económicos num mundo, procurando resultados para as suas comunidades, procurando garantir a inclusão social e procurando contribuir para a sua sustentabilidade. Alerta contudo que essas preocupações com a sustentabilidade não devem sobrepor-se à necessidade de que os museus sejam lugares de ciência e de produção de conhecimento.

Sobre aFunção Social do Museu, para alem de reconhecer que os museus devem estar conectados com os problemas dos locais onde atuam, realça a sua relevância nas comunidades para alcançar a inclusão social e a integração da diversidade cultural. São lugares de encontro, construtores de cidadania e de integração social, sejam eles de género, de grupos minoritários. Em linha com várias declarações da UNESCO dá relevância à necessidade dos museus assegurarem a diversidade de expressões culturais de todos, tende uma particular atenção aos povos indígenas e aos mais desfavorecidos.

Finalmente, em relação às novas Tecnologias de Informação e Comunicação, a Recomendação releva o seu papel na ampliação da funções de comunicação e educação, permitido construir espaços de encontro inclusivos e de emancipação.

Pedro Pereira Leite

Researcher and professor. He had his PhD. on museology in 2011, with the title “Muss-amb-ike Homeland: The commitment on musicological process”, that was published in 2011. In 2012 he finishes a Post-PhD Research on "Biographical Glances: The intersubjectivity poetry on museology, at Lusófona University (Lisbon). Presently he is working in his Post PhD. Research about: “Global Heritages" with the aims to build a network on local cognizance and memory manager has a tool to build the will of action in 3 different communities, linked by past communed heritages.” He works at CES. He participates on different Research network, presented papers in national and international conferences, and had published books on research subjects.

More Posts - Website

Follow Me:
TwitterFacebookLinkedInPinterestGoogle PlusYouTube


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.