Mergging XIX– Empreendorismo social e problemas complexos V

Verificamos no postal anterior que o século XX a consciência da limitação dos recursos e a degradação ambiental vão fazer regressar a terra ao centro da reflexão económica. Uma consciência que ficará expressa no célebre relatório da Comissão Brutland, com o título “O nosso futuro comum”. A natureza passa a integrar a relação, já não como recurso, mas como um elemento de equilíbrio adicionado ao trabalho e ao capital.

Uma leitura que poderá ser feita tendo em antenção a necessidade de definir os limites da ação.

Pedro Pereira Leite

Researcher and professor. He had his PhD. on museology in 2011, with the title “Muss-amb-ike Homeland: The commitment on musicological process”, that was published in 2011. In 2012 he finishes a Post-PhD Research on "Biographical Glances: The intersubjectivity poetry on museology, at Lusófona University (Lisbon). Presently he is working in his Post PhD. Research about: “Global Heritages" with the aims to build a network on local cognizance and memory manager has a tool to build the will of action in 3 different communities, linked by past communed heritages.” He works at CES. He participates on different Research network, presented papers in national and international conferences, and had published books on research subjects.

More Posts - Website

Follow Me:
TwitterFacebookLinkedInPinterestGoogle PlusYouTube


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.