Voltámos Todos – Memórias duma Companhia de Comandos em Moçambique

comandosdemoçambique

Por um daqueles acasos que ocorrem quando as conversas são cruzadas, num encontro com a nossa colega Ana Mercedes Stoffel a propósito da Ilha de Moçambique, acabou por me ser oferecido este livro, editado em 2013 pelos seus autores, Helena Silva e Paulo Kellerman, com o Título “Voltámos Todo – Memórias duma Companhia de Comandos em Moçambique, entre 1971-1973).

Livro de memórias, reúne testemunhos de gente tão diferentes de Rodrigo de Moura, José Loureiro, José Barbosa, Francisco Van Uden, Luíz Avillez, Rui Stoffel e Humberto Carapeta, que nos anos de juventude, por opção e dever, se juntaram numa companhia de comandos, que viveram e fizerem um guerra tremenda e regressaram, todos, para contar as suas experiências na primeira pessoa. Contaram-nas anos depois, já homens vividos, com outras experiências já vividas. Trata-se duma narrativa amadurecida.

Veio isto a propósito da Ilha de Moçambique, que aí é referida. A Ilha onde se fazia uma pausa nos horrores da guerra. Relatos tensos sobre as formas de escapar ao quotidiano.

Pedro Pereira Leite

Researcher and professor. He had his PhD. on museology in 2011, with the title “Muss-amb-ike Homeland: The commitment on musicological process”, that was published in 2011. In 2012 he finishes a Post-PhD Research on "Biographical Glances: The intersubjectivity poetry on museology, at Lusófona University (Lisbon). Presently he is working in his Post PhD. Research about: “Global Heritages" with the aims to build a network on local cognizance and memory manager has a tool to build the will of action in 3 different communities, linked by past communed heritages.” He works at CES. He participates on different Research network, presented papers in national and international conferences, and had published books on research subjects.

More Posts - Website

Follow Me:
TwitterFacebookLinkedInPinterestGoogle PlusYouTube


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.